Cólica Menstrual – O que Fazer

A cólica menstrual, cientificamente conhecida como dismenorreia, é muito comum nas mulheres nos períodos que antecedem a menstruação ou durante o período menstrual. Trata-se de uma dor pélvica causada pela contração do útero que faz liberar o endométrio – camada interna que serve para nutrir o embrião – quando o óvulo não é fecundado. Elas são classificadas em “primária” e “secundária”, sendo a primária causada pela substância que faz o útero contrair (prostaglandina) e, a secundária, ocasionada por complicações patológicas como tumores, miomas, endometriose entre outras.

A cólica primária é a mais comum e pode causar enjoos, diarreia, desmaios, dores de cabeça e etc. Dados estatísticos mostram que cerca de 70% das mulheres em idade reprodutiva sofrem desse desconforto ao menos uma vez na vida. No entanto, quem tem cólicas menstruais do tipo primária – a mais comum – pode lançar mão de algumas medidas que, segundo especialistas, podem aliviar significativamente o incômodo. Confira a seguir!

Dicas para aliviar a cólica menstrual

Cólica Menstrual

  1. Beba bastante água;
  2. Faça exercícios aeróbicos moderados;
  3. Faça uma compressa com água quente e posicione-a em seu abdômen;
  4. Beba um xá de camomila ou de menta quente.

Além das dicas acima, uma outra é conversar com seu ginecologista sobre a possibilidade de se ingerir um anticoncepcional, já que esse tipo de medicamento atrofia o endométrio – local onde é produzida a prostaglandina, que é a substância que faz o útero contrair, o que provoca a cólica menstrual.

Remédios que podem aliviar a cólica menstrual

4 Remédios para combater a Cólica Menstrual

Entre os medicamentos mais utilizados para aliviar o desconforto das cólicas menstruais estão o paracetamol que age especificamente sobre a dor.

Outro bem comum é o Atroveran que promete agir sobre as causas da cólica. Além desse, a Boehringer Ingelheim lança um novo medicamento para o tratamento da cólica. Trata-se do Buscofem apresentado em cápsulas de gel que, por ser líquido, proporciona uma ação mais rápida.

Consulte um ginecologista

É importante estabelecer um diagnóstico entre os dois tipos de cólica apresentados: primária e secundária. Isso ajudará a definir o melhor procedimento a ser feito, evitando que você retarde um tratamento mais específico, caso a sua situação requeira.

Vale lembrar que este artigo é de caráter informativo e não substitui uma consulta a um especialista.

Se este artigo te ajudou, indique-o a uma amiga!

E vocês, meninas… contem aqui pra gente o que fazem para aliviar a cólica menstrual?

Beijos e até a próxima.

About Sabrine Moura

, carioca, Pós-graduada em Língua Portuguesa. É apaixonada por moda e maquiagem, bons filmes, séries, músicas e viagens. Escreve artigos para blogs de interesse feminino e também curte ficar por dentro dos últimos acontecimentos no mundo da política e do esporte. E, por falar em esporte, Flamenguista de coração, sempre que pode, apoia seu time nos estádios.

06. julho 2012 by Sabrine Moura
Categories: Saúde | Leave a comment

Deixe um comentário :)

Required fields are marked *